sábado, 1 de agosto de 2009

USS DWIGHT D. EISENHOWER

Poucos são os que tem o privilégio de navegar com um Porta Aviões, mas são ainda menos aqueles que puderam passar a "meia dúzia" de jardas desses gigantes dos mares. Nós tivemos a oportunidade de o fazer durante o Sail Past no decorrer do Nac Sea Day em Rota no passado dia 13 de Julho.

O USS Dwight D. Eisenhower (CV69) com os seus 330 metros de comprimento e 75 de largura, impressiona qualquer um, movido por 2 reactores nucleares consegue mover as suas 95 mil toneladas a uma velocidade superior a 30 nós.

Com 19 pisos de altura, sendo 8 para cima e 10 para baixo do convés principal, tem 4700 tripulantes entre homens e mulheres.

Com 4 pistas de aterragem e 4 rampas que podem funcionar simultâneamente, o CV69 tem a bordo 61 aviões de combate, mais helicópteros, e outro tipo de aviões.

O CV69 esteve 3 meses no Mar Arábico em apoio ás forças da Nato no Afeganistão.

De regresso aos Estados Unidos o CV69 participou no Nac Sea Day, juntamente com a SNMG1, que regressava do Corno de África, depois da Operação Allied Protector.

Depois de finda a participação no Nac Sea Day o CV69 rumou a Lisboa, onde fundeou no dia 14, tendo permanecido em território Luso até dia 17 de Julho.

Após largar Lisboa, rumou aos Estados Unidos onde deverá ter chegado nos últimos dias do mês de Julho.

Na foto de cima, a descolagem de um SH60, de salientar que um helicóptero sobrevoa permanentemente o Porta Aviões e as áreas adjacentes.


Fotos: Carlos Dias (SPRS) e Coelho (C/CCT)

1 comentário:

Jorge Gonçalves disse...

Muito menos, ainda, são aqueles que o conseguem ver a curta distância através dum periscópio...